O que dizem os especialistas sobre 2012 e as previsões maias

Porque as previsões maias estão deixando muita gente desconfiado? Em muitos sites e blogs poderemos encontrar citações a esses eventos, então procuraremos fazer um apanhado das informações, visando deixar o leitor à vontade para fazer seu julgamento.

Quem foram os Maias

A civilização maia foi uma cultura mesoamericana pré-colombiana, notável por sua língua escrita (único sistema de escrita do novo mundo pré-colombiano que podia representar completamente o idioma falado no mesmo grau de eficiência que o idioma escrito no velho mundo), pela sua arte, arquitetura, matemática e sistemas astronômicos. Inicialmente estabelecidas durante o período pré-clássico (1000 a.C. a 250 d.C.), muitas cidades maias atingiram o seu mais elevado estado de desenvolvimento durante o período clássico (250 d.C. a 900 d.C.), continuando a se desenvolver durante todo o período pós-clássico, até a chegada dos espanhóis. No seu auge, era uma das mais densamente povoadas e culturalmente dinâmicas sociedades do mundo. (Wikipedia)

A civilização maia possuía um avançado calendário, assim como o utilizado no Brasil hoje, contendo 365 dias. Outra grande qualidade era a aptidão para a matemática. Segundo os cálculos, em 2012 o mundo como conhecemos será extinto. Aquela civilização falava em cinco ciclos, quatro deles já teriam passado e o próximo acontecerá dia 21 de dezembro de 2012.

Estudiosos das teorias maias afirmam que estes ciclos acontecem a cada 26 mil anos e duram 5.125 anos. Todos eles teriam terminado em destruição. Dia 21 de dezembro será o último dia do último ciclo. O fim da raça humana se daria devido a um alinhamento cósmico. O sol se alinharia ao centro da Via Láctea ao mesmo tempo em que haveria uma mudança do eixo da Terra em relação à esfera celeste. (Yahoo)

Numerologia

Para a numeróloga Aparecida Liberato diz o que ocorrerá no próximo ano será uma mudança de energia. “O número de 2012 será o 5. Essa energia indica que o ano que vem será um ano de inquietação e de instabilidade, em que aquilo que foi planejado não acontece”, diz Aparecida. A numeróloga afirma ainda que tudo que não foi concertado em 2011 no ano seguinte será desestruturado. “As pessoas vão sentir”, opina. Aparecida, no entanto,  não acredita nas interpretações das previsões maias: “O que aconteceu foi que os maias citaram o 21 de dezembro de 2012 como uma data de encerramento de um ciclo, é o fim de uma determinada era. Isso não significa o fim do mundo. Eles também falaram em datas além de 2012. O nosso pensamento é energia, por isso não é bom pensar nestas teorias”, finaliza Aparecida Liberato. (Yahoo)

Muitas informações podem ser vistas neste site abaixo, para quem quer entender sobre o assunto, sem sobressalto.

Ceticismo. Net


Astrologia

2012 é sem dúvida um ano especial dentro deste processo que não se esgota agora, mas que continuará ainda ativo por alguns anos. Mas em 2012 teremos o aspecto exato entre Urano e Plutão, símbolo de momentos de grande transformação na humanidade. E que ao longo dos próximos anos promoverá uma total mudança na ordem mundial. O que já pode ser verificado, com as crises no velho continente europeu, nos Estados Unidos, no mundo e o poder crescente de países como o Brasil.


Profecias que se atribuem aos Maias não falam em “fim do mundo”, mas em final de um ciclo. 2012 não é unicamente um ano, mas um processo em que estamos inseridos e que leva necessariamente ao fim da visão de mundo que tínhamos anteriormente. E a mudanças que podem ser “disparadas” por eventos surpreendentes de larga escala. Isabel Mueller – Astróloga


...nos anos 60 Urano e Plutão estiveram conjuntos, e podemos fazer uma analogia com aquela época de grandes mudanças na humanidade e o período atual, que se estende ainda por alguns anos. Mas que tem em 2012 um ponto de ápice, um momento crucial no processo. Que se revela em termos de poderio mundial, político, econômico e de questões ambientais, climáticas.

veja a postagem completa de Isabel Mueller em:
Estudiosos dos Maias
Estudiosos de diversas áreas têm rejeitado a idéia de que uma catástrofe ocorrerá em 2012. Os principais estudiosos dos maias afirmam que previsões de morte iminente não são encontradas em qualquer um dos clássicos códices maias e que a ideia de que o calendário de contagem longa “termina” em 2012 deturpa a história maia. Os maias modernos não consideram a data significativa e as fontes clássicas sobre o tema são escassas e contraditórias, sugerindo que houve pouco ou nenhum consenso universal entre eles sobre o que a data pode significar.

Adicionalmente, astrônomos e outros cientistas rejeitam as previsões apocalípticas e as classificam como pseudociência, afirmando que os eventos previstos são desmentidos por simples observações astronômicas. A NASA tem comparado os medos em relação ao ano de 2012 com o fenômeno “Bug do milênio” no final da década de 1990, sugerindo que uma adequada análise dos fatos pode impedir temores de um desastre. A ideia de um evento mundial que ocorreria em 2012, baseado em qualquer tipo de interpretação do calendário de contagem longa, é rejeitada e considerada como pseudociência pela comunidade científica internacional.






Simpatias infalíveis, simpatias poderosas, orações
poderosas, rezas fortes, chás para emagrecimento,
florais de Bach, esoterismo, OVNIs, UFOs, Figuras
Lendárias e Místicas, muitos vídeos de deixar de
queixo caido.
Compartilhem com amor!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Aurelio Martuscelli

Blogueiro por devoção, aprendiz de designer e amigo :-)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

WhatsApp chat